Bml - Uma extensão do seu Consultório

UMA EXTENSÃO DO SEU CONSULTÓRIO
EXAMES E LAUDOS ANATOMOPATOLÓGICOS CONSULTÓRIOS, CLÍNICAS E HOSPITAIS

Facebook

NOTÍCIAS

Cinco alterações na urina que não devem ser ignoradas

02
09

Quando você vai ao banheiro, antes de dar a descarga, observa como está sua urina? Pois é, essa cena pode até parecer estranha, mas isso nada mais é do que cuidado com o seu corpo. Cheiro e cor diferentes podem indicar vários fatores em nosso organismo. Observar a urina é aconselhada pelos médicos.

 

Lembre-se: o xixi saudável deve ser amarelado claro, quase transparente, com pouquíssima espuma e sem cheiro. Qualquer desconforto deve ser considerado fora do normal.

Qualquer sinal diferenciado procure por um especialista da sua confiança para um diagnóstico preciso e exato.

 

Sangue: a cor vermelha no xixi é causada pela presença de sangue que pode ser sinal de pedras nos rins. A aparência alterada é causada por arranhões ou irritações no órgão e na bexiga, provocados pelas pedras. Em casos raros, mais raros, sangue no xixi também pode ser sintoma de algum tipo de câncer.

 

Cor escura: a urina escura pode indicar um quadro de uma doença rara, mas bastante grave, que ocorre quando há morte de fibras musculares causada por lesões, a rabdomiólise. O conteúdo das fibras, como mioglobina, é liberado na corrente sanguínea, podendo sobrecarregar os rins e provocar insuficiência renal aguda. Em casos extremos, a condição pode levar à morte.

 

Coloração branca: se a urina não for transparente, mas sim branca, pode indicar desde pedra nos rins até uma infecção mais grave, que está fazendo você expelir pus. A alteração, portanto, não deve ser ignorada.

 

Coloração alaranjada: o xixi alaranjado pode ser sinal de que existe algum problema de funcionamento do fígado ou ducto biliar, especialmente se as fezes apresentam coloração pálida.

 

Odor forte: se mesmo consumindo grandes quantidades de água seu xixi está com cheiro forte demais, fora do comum, pode ser sinal de fatores como infecção urinária, gonorreia, corrimento vaginal, diabetes, insuficiência hepática, fístula na bexiga e até mesmo câncer de bexiga.

 
 

© 2018 BML PATOLOGIA - Todos os direitos reservados | (47) 3326-2230 | contato@bmlpatologia.com.br